Notícias

Programação de shows do São João de Mossoró é divulgada

Mossoro

G1 - A prefeitura de Mossoró, no Rio Grande do Norte, divulgou a programação musical do Mossoró Cidade Junina deste ano. Atrações nacionais e regionais confirmaram presença nas festividades, que também darão destaque a músicos locais. “Será uma grande festa popular e com a diversidade cultural que sempre marcou o evento", afirmou o secretário de Cultura Eduardo Falcão.

O Mossoró Cidade Junina será realizado de 2 de junho a 2 de julho. Além de shows gratuitos na Estação das Artes Elizeu Ventania, o evento terá, na Avenida Rio Branco (Corredor Cultural), o “Pingo da Mei Dia”, que abre a programação musical no dia 10, e a “Boca da Noite”, festa de encerramento marcada para começar às 18h de 1º de julho.

A banda Aviões do Forró abre a programação na Estação das Artes no dia 15. No dia 24 é a vez de Michel Teló roubar os holofotes — a apresentação será transmitida pela Globo Nordeste. Outros destaques são Waldonys, Cavaleiros do Forró, Lagosta, Zezo e Gabriel Diniz.

Além de shows de música, o Mossoró Cidade Junina terá outras atividades, como festival de quadrilhas, passeios ciclísticos, seminários, lançamentos de livros, exposições, o espetáculo teatral "Chuva de Bala no País de Mossoró" e a "Cidadela", uma cidade cenográfica que imita a Mossoró dos anos 20.

Shows na Estação das Artes:

Quinta-feira (15 de junho de 2017):

  • Saia Rodada;
  • Jonh Modão;
  • Aviões do Forró.

Sexta-feira (16 de junho de 2017)

  • Lagosta;
  • João Neto Pegadão;
  • Felipe Costa;
  • Forró dos 3.

Sábado (17 de junho de 2017):

  • Elas Cantam Brega;
  • Darlan Dias;
  • Zezo;
  • Ciro Robson;
  • Lucas Lima.

Quinta-feira (22 de junho de 2017)

  • Farra de Playboy;
  • Cavaleiros do Forró;
  • Dimas Araújo.

Sexta-feira (23 de junho de 2017)

  • Grupo Vina;
  • Trio Mossoró;
  • Amazan;
  • Wonney Saraiva;
  • Roberto do Acordeon;
  • Forró Encaixe.

Sábado (24 de junho de 2017)

  • Forró com Ella;
  • Naelson Junior;
  • Junior Vianna;
  • Michel Teló;
  • Aline e Dayvid.

Quinta-feira (29 de junho de 2017)

  • Brilhantes do Forró;
  • Giuliam Monte;
  • Waldonys;
  • Gabriel Diniz.

Sexta-feira (30 de junho de 2017)

  • Sirano e Sirino;
  • Forró Classe A;
  • Solteirões do Forró;
  • Renata Falcão.

Corredor Cultural

Sábado (10 de junho de 2017) - "Pingo da Mei dia" 

  • Nataly Vox;
  • Forró dos 3;
  • André Luvi;
  • Giannini Alencar;
  • João Neto Pegadão;
  • Renata Falcão;
  • Aline e Dayvid.

Sábado (01 de julho de 2017) - "Boca da Noite" 

  • Ewerton Linhares;
  • Felipe Grilo;
  • Everaldo Rodrigues;
  • Banda do Magão.
Categoria

Divulgada programação do São João 2017 de Monteiro/PB

Maiara e Maraisa

A programação do São João 2017 de Monteiro, no Cariri paraibano, foi divulgada nesta sexta-feira (26). Entre as principais atrações, estão Maiara e Maraisa, Bonde do Brasil, Eliane, Magníficos, Mano Walter e Dejinha de Monteiro.

A festa vai acontecer de 23 a 28 de junho. Neste ano, a novidade é que o evento vai contar com dois palcos para apresentação das atrações nos dias do evento - o palco principal, que vai ficar na Praça João Pessoa, e o palco alternativo, chamado de Sítio São Francisco.

O Sítio Santo Francisco tem o objetivo de preservar a originalidade e características da cultura e musicalidade da região. As apresentações vão acontecer das 16h às 21h, com atrações locais e trios de forró pé-de-serra.

Confira as atrações do Palco Principal:

Sexta-feira (23 de junho de 2017)

  • Ragner Vox e Célio Vaqueiro
  • Forrozão Karkará
  • Dejinha de Monteiro

Sábado (24 de junho de 2017)

  • Neno (ex-Magníficos)
  • Sirano e Sirino
  • Felipão

Domingo (25 de junho de 2017)

  • Forró Gente Boa
  • Ramon Schnayder
  • Luciene Melo
  • Bonde do Brasil

Segunda-feira (26 de junho de 2017)

  • Laerte Lins
  • Adriano Silva
  • Valquiria Santos
  • Mano Walter

Terça-feira (27 de junho de 2017)

  • Lia Carvalho
  • Maiara e Maraísa
  • Forró Farra 600

Quarta-feira (28 de junho de 2017)

  • Xodó do Cariri
  • Banda Magnificos
  • Eliane

 

Confira as atrações do Sítio São Francisco:

Sexta-feira (23 de junho de 2017)

  • Ramon do Acordeon
  • Trio pé-de-Serra

Sábado (24 de junho de 2017)

  • Tony Luco
  • Trio pé-de-Serra

Domingo (25 de junho de 2017)

  • Davi Lourenço
  • Trio pé-de-Serra

Segunda-feira (26 de junho de 2017)

  • Patrões do Forró
  • Trio pé-de-Serra

Terça-feira (27 de junho de 2017)

  • André Torres
  • Trio pé-de-Serra

Quarta-feira (28 de junho de 2017)Franklin Dias

  • Trio pé-de-Serra
Categoria

Parceiros destacam apoio da prefeitura na 44º Exposição Agropecuária do Seridó

Expo

Robson Pires - Caicó recebeu neste final de semana a 44ª Exposição Agropecuária do Seridó, que acontece no Parque de Exposições Monsenhor Walfredo Gurgel. O evento dá continuidade ao calendário do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias, realizado pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Agricultura, com apoio do Governo Cidadão/Banco Mundial e parceria com a Prefeitura de Caicó e associações de criadores.

Sucesso de público neste sábado (27), a programação incluiu exposição de animais, julgamento de raças, oficinas, fórum de discussão, missa do vaqueiro, cavalgada, feira de artesanato, apresentações culturais e o leilão Seridó Terra do Leite. Todos os parceiros destacaram o apoio da prefeitura ao evento. “O prefeito Batata Araújo e sua equipe fizeram um belíssimo trabalho. Parceria que deixou o parque ainda mais agradável”, disse o presidente da ANORC (Associação Norte Rio-grandense de Criadores), Marcelo Passos.

Neste domingo (28), continua a programação com julgamento dos animais, além da 1ª Cavalgada do Vaqueiro e atrações culturais. “E o desafio foi realizar um evento à altura do que os agropecuaristas de Caicó e das cidades circunvizinhas merecem”, lembrou o presidente da ANCOC (Associação Norte-Rio-Grandense dos Criadores de Ovinos e caprinos), Alexandre Confessor. “E estamos avançando no pleito da prefeitura e do povo de Caicó, para disponibilizar o parque todo do ano para eventos do município, incluindo a Feira do Gado que hoje acontece no Centro da cidade”, destacou o secretário estadual de Agricultura, Guilherme Saldanha.

Categoria

Transposição do Rio São Francisco vai garantir abastecimento de 94 municípios do RN

Transposição

O Eixo Norte do Projeto de Integração do São Francisco levará água para os estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.

No percurso das estações de bombeamento, a água passará por reservatórios nas cidades pernambucanas de Cabrobó, Terra Nova, Salgueiro e Verdejante. O equipamento acionado tem capacidade de bombear até 14 m³ por segundo.

Por meio do Eixo Norte, a água será levada para os rios Brígida (PE), Salgado (CE), do Peixe e Piranhas-Açu (PB e RN) e Apodi (RN), garantindo o fornecimento para os açudes Chapéu (PE), Entremontes (PE), Castanhão (CE), Engenheiro Ávidos (PB), Pau dos Ferros (RN), Santa Cruz (RN) e Armando Ribeiro Gonçalves (RN).

Estão em construção, somente no Eixo Norte do projeto, cerca de 260 km de canais, 3 estações de bombeamento, 9 aquedutos, 3 túneis e 17 reservatórios. O maior reservatório de todo o PISF está localizado no Eixo Norte.

Com a chegada da água a essa região cearense, teremos o aumento da oferta hídrica proporcionada pelos maiores reservatórios estaduais (Castanhão, Orós e Banabuiú), que operados de forma integrada com os açudes fornecem água para os diversos usos da maior parte da população das Bacias do Jaguaribe e Metropolitanas, alcançando 5 milhões de habitantes em 56 municípios.

Já no Rio Grande do Norte, o Projeto de Integração do São Francisco vai garantir o abastecimento seguro para 94 municípios, com 1,2 milhão de habitantes, por meio do aumento da garantia da oferta de água dos açudes Santa Cruz e Armando Ribeiro Gonçalves e da perenização de todos os trechos dos rios Apodi e Piranhas-Açu, em associação com uma rede de adutoras que vem sendo implantada.

Além disso, haverá ampliação da disponibilidade hídrica dos maiores trechos dos rios Apodi e Piranhas-Açu, situados a montante dos açudes Santa Cruz e Armando Ribeiro Gonçalves, estabelecendo uma fonte hídrica permanente para as populações de mais de 50 municípios localizados nessas duas bacias hidrográficas.

Categoria

Contas de luz de junho terão bandeira verde, sem acréscimo na tarifa

Bandeira Tarifada

A bandeira tarifária que será aplicada nas contas de luz no mês de junho será a verde, o que significa que não haverá custo extra para o consumidor.

Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o retorno da bandeira verde foi possível pelo aumento das chuvas nos reservatórios das hidrelétricas em maio e pela perspectiva de redução do consumo de energia elétrica no país.

Desde abril, a bandeira estava vermelha, o que representa um acréscimo de R$ 3 para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

A previsão da Aneel era que a bandeira tarifária vermelha patamar 1 continuasse em vigor até o fim do período seco, que vai até novembro.

Categoria
Tags

Estrutura do Parque do Povo está quase pronta para o São João de Campina Grande

Campina

G1 - Parque do Povo está quase pronto para receber o Maior São João do Mundo 2017, em Campina Grande. A festa começa no dia 2 de junho e segue até 2 de julho e a estrutura vai contar com 18 restaurantes, 25 barracas de alimentação, 16 barracas da Vila Nova da Rainha, 112 bares, 10 barracas na Pirâmide e duas palhoças: Seu Vavá e Zé Lagoa.

A grande novidade é o palco em 360º para as apresentações principais, com quatro passarelas saindo do palco para o meio do público.

Campina

 

Campina

 

Campina

 

Categoria

Energia solar proporcionou economia de R$ 613 mil ao IFRN

Solar

Agora já são 14 usinas de energia solar em pleno funcionamento no IFRN. Só em 2016 os geradores fotovoltaicos forneceram 1,6 GWh. Até então, eram 11 unidades do Instituto utilizando a tecnologia, o que significou redução de despesa da ordem de R$ 613 mil nas faturas de energia elétrica. Com essa ação, o IFRN também evitou a emissão de 142 toneladas de CO2 ao longo do último ano.  De acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), pelo menos 30% da energia elétrica consumida no IFRN deverá ser provida a partir de fontes renováveis até o final de 2018.

Na última terça-feira (23), a Instituição inaugurou o seu 14º gerador fotovoltaico, no Campus Mossoró, composto de 315 módulos fotovoltaicos de 265 Wp (silício policristalino) e 4 inversores trifásicos de 20 kW, gerando uma potência máxima de 83,4 kW. Os painéis foram montados sobre parte das coberturas das salas de aula do Bloco D.  De acordo com o Engenheiro Eletricista Franclin Robias Junior, o mini gerador tem capacidade de produzir aproximadamente 133 MWh/ano, o que representa uma economia de R$ 49 mil ao longo dos primeiros 12 meses de funcionamento.

Categoria
Tags

São João de Patos, cadastra comerciantes a partir de segunda-feira (29)

São João de Patos

Começa na segunda-feira (29) o cadastro de comerciantes interessados em atuar no São João de Pato/PB. De acordo com o edital, a prefeitura vai oferecer 408 vagas, sendo que 192 são para os chamados ‘isoposeiros’ e 70 são para barracas.

O cadastramento vai ser feito de acordo com o tipo de comércio, sendo que a cada dia vão ser atendidos categorias diferentes, no Centro de Comercialização Batista Leitão, das 8h às 14h.

Para fazer o cadastro, os comerciantes precisam apresentar cópias dos documentos pessoais (RG e CPF), comprovante de residência local ou contrato de aluguel com, no mínimo, seis meses de locação, cópia de quitação de débito do São João de 2016.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico, Paloma Lustosa, a renovação de vagas para os vendedores deve ser de aproximadamente 20% , considerando a necessidade de renovação do quadro de comerciantes e outros fatores. “Se o número de cadastrados for maior que o número de vagas ofertadas, deveremos realizar um sorteio entre os comerciantes, considerando cada seguimento”, afirmou.

Confira as Datas:

  • Dias 29 e 30 de maio - barracas de bebidas, caipifrutas e comidas.
  • Dias 31 de maio e 1 de junho - Isopor e Food- trucks
  • Dia 2 de junho - Barracas diversas
Categoria

Lei do Artesão vai beneficiar diretamente 20 mil artesãos potiguares

Arte

A Lei do Artesão é uma luta de 30 anos dos artesãos potiguares e representa uma conquista para essa cadeia produtiva. A lei institui o Programa do Artesanato do Rio Grande do Norte (Proart-RN) e estabelece que, no mínimo 60% dos produtos artesanais, comercializados nos espaços do Estado sejam dos artesãos potiguares. Além disso, todo produto artesanal produzido no RN terá sua origem certificada através do selo “Potiguar sou eu”.

Serão beneficiados cerca de 20 mil artesãos em todo o estado. A artesã de Caicó, Arlete Silva, 56, ficou muito contente com a aprovação da lei e ressaltou a sua importância. “Temos que agradecer ao governador Robinson Faria e a secretária Julianne Faria por ter levantado a bandeira do artesanato. Essa lei representa o crescimento do nosso artesanato. Ela vai dá oportunidade de comercialização para o artesão e sua família. É um legado para nós artesãos e vai proporcionar a valorização de nossa arte”, desabafa a artesã emocionada. 

A Lei do Artesão, de autoria do Governo do RN, foi elaborada pela Secretaria do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas-RN), que desde 2015 trabalha para fomentar e valorizar a cadeia produtiva de artesanato e gerar renda para mais 8 mil artesãos cadastrados no Proart-RN. Por meio da realização de feiras, participação dos artesãos em feiras nacionais e internacionais, e incentivos como o Microcrédito do Empreendedor, os artesãos arrecadaram o ano passado mais de R$ 1,5 milhões. 

Categoria
Tags

Divulgada programação da posse de Dom Delson como Arcebispo Metropolitano da Paraíba

Dom Delson

Pelo menos três missas solenes estão na programação de transferência de Dom Frei Manoel Delson da Diocese de Campina Grande para a Arquidiocese da Paraíba. Os eventos de transferência acontecem entre quinta-feira (18) e sábado (20), mas a programação em Campina ainda inclui reunião do Conselho de Consultores, que só deve acontecer na semana seguinte.

Para se despedir dos fiéis de Campina, o bispo preside uma missa em ação de graças na Catedral de Nossa Senhora da Conceição na quinta-feira a partir das 17h30. “Não quero chamar de despedida, mas um momento para agradecer a Deus por tudo o que foi vivido nesta Diocese, que me acolheu como filho, como irmão desde minha nomeação em agosto de 2012", esclarece.

Na sexta-feira (19), Dom Delson deixa oficialmente a diocese, saindo às 13h em direção a João Pessoa. No caminho está previsto uma parada na cidade de Riachão do Bacamarte, limite geográfico da Arquidiocese, onde o bispo participa de uma celebração com comunidades da região.

Ainda na sexta, à tarde, o bispo tem um encontro com autoridades locais na Praça Dom Adauto, em frente à cúria metropolitana, no Centro de João Pessoa.

A posse canônica, que valida Dom Manoel Delson como Arcebispo da Paraíba, acontece no sábado, com missa na Catedral de Nossa Senhora das Neves, que vai contar com a presença do Núncio Apostólico para o Brasil, Dom Giovanni D’Aniello. Esta celebração, no entanto, vai ser exclusiva para bispos, padres, seminaristas e religiosos.

A celebração aberta a todos o fieis acontece no mesmo dia, no ginásio Ronaldão, no bairro do Cristo Redentor, também em João Pessoa, presidida pelo bispo.

Após a saída de Dom Delson, a Diocese de Campina Grande vai ficar sob os cuidados de um administrador diocesano, que vai ser escolhido pelo Conselho de Consultores, composto por cinco padres da diocese. Essa decisão só pode ser tomada depois da posse formal do bispo na nova diocese, em reunião que deve acontecer entre os dias 22 e 23.

Categoria
Tags

Moedas comemorativas de R$ 1,00 da Rio 2016 podem valer até R$ 160

1

Como forma de celebrar a realização das Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016, o Banco Central lançou diversas moedas comemorativas. Algumas são bem raras, como as moedas de R$ 5,00 e R$ 10,00. Já as moedas de R$ 1,00 são bem mais fáceis de encontrar. Ainda assim, elas estão alcançando um bom valor no mercado de colecionadores.

O BC lançou, ao todo, quatro conjuntos de moedas comemorativas – com cartelas especiais para que os colecionadores possam guardá-las. Cada conjunto conta com uma moeda de R$ 10,00, quatro de R$ 5,00 (que numa face apresentam diferentes modalidades olímpicas e, na outra, paisagens e elementos da cultura carioca) e mais quatro de R$ 1 (com uma face normal e a outra apresentando mais modalidades olímpicas).

Porém, as moedas de R$ 5,00 e R$ 10,00 nunca foram postas em circulação, tendo sido voltadas exclusivamente para colecionadores. A primeira, cunhada em prata, era vendida por R$ 195,00. Já a segunda, cunhada em ouro, tinha valor de R$ 1.180,00. Esses valores, hoje, também já estão bem mais altos no mercado informal.

Já as moedas de R$ 1,00 circularam normalmente. E hoje, colecionadores estão pagando até R$ 100,00 por certos modelos dos dezesseis que integram a coleção dos quatro conjuntos. Há ainda um 17º modelo que foi lançado em 2012 e é considerado o mais raro, estampando a bandeira olímpica, que pode valer até R$ 160,00. Hora de quebrar o cofrinho, para quem quiser comprar, ou de fazer um extra, para quem tem uma moeda dessas perdida dentro de casa.

Categoria
Tags